SaeR - Sociedade de Avaliação de Empresas e Risco

O XXº Encontro SaeR

Tendo como base o tema “A Nova Economia e as Novas Formas de Financiamento” a sessão iniciou-se com uma sentida homenagem a Ernâni Lopes, na presença de sua mulher e familiares, que no fim recebeu forte ovação de um auditório apinhado. Seguiu-se uma intervenção de fundo do Governador do Banco de Portugal, Dr. Carlos Costa, que dissertou acerca de “Os desafios que se colocam à Economia e à Sociedade Portuguesa”. O tema geral do encontro constituiu o mote para um interessante painel em que participaram Vitor Bento, Presidente da SIBS, João Costa Pinto, Economista, Paulo Rabello de Castro, Presidente da RC Consultores (Brasil) e os sócios-gerentes da SaeR, Francisco Murteira Nabo e José Poças Esteves.

Os Encontros SaeR constituem uma das mais notórias iniciativas públicas da empresa, traduzindo-se num espaço de reflexão conjunta sobre um ou mais dos grandes problemas nacionais. Foram promovidos anualmente entre 1990 e 2007, pelo que o presente Encontro retoma uma tradição, que se saúda.

Foi referido que a SaeR, Sociedade de Avaliação Estratégica e de Risco, vai internacionalizar-se para o espaço da lusofonia, estendendo a sua atividade ao Brasil, Angola, Macau, Cabo Verde e Moçambique. Com 25 anos de experiência em avaliação estratégica e de risco, em geopolitica e prospectiva e em estratégia sectorial e empresarial, esta empresa notabilizou-se pela sua dedicação à “economia do mar”, de que foram expoentes a publicação do livro “O Hypercluster do Mar” e os estudos realizados para as autarquias de Cascais, Viana do Castelo e Portimão, relativos a “Centros de Mar”. A internacionalização da SaeR é acompanhada de um aumento de capital e entrada de novos sócios angolanos e luso-chineses e, possivelmente, um novo sócio moçambicano. A equipa da SaeR atravessa um momemnto de renovação com a entrada de novos profissionais e com a aquisição de novas competências. Um novo Director-Executivo, Diogo Gomes de Araújo, licenciado em Economia e Relações Internacionais, e pós-graduado em Banca e Finanças Internacionais, assume agora a direcção operacional da empresa.

A Revista de Marinha, que tem acompanhado a prestimosa atividade da SaeR, designadamente na caracterização da nossa “economia do mar”, congratula-se com este seu novo posicionamento, em novas geografias lusófonas, procurando assim dar um conteúdo económico a um espaço até agora limitado a questões culturais e politicas. Com os nossos sinceros desejos dos maiores sucessos empresariais aqui ficam votos de que na singradura para sul que agora toma, encontre sempre ventos bonançosos, mares calmos e aguas safas!

Revista da Marinha
28.Junho.2014